Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Cinco dicas para manter a qualidade de vida no home office

Com a pandemia, muitas pessoas estão em home office e, com isso, a falta de ergonomia vem causando dores musculares e nas articulações

Publicado em

Os hábitos mudaram e diversas atividades precisam ser realizadas dentro de casa, e uma delas é o home office. O problema é que nem todo mundo estava preparado para essa rotina e teve que improvisar.

As adaptações aconteceram e, agora, com o retorno dos parques e academias, as atividades podem ser realizadas, mas imagine se surgem dores capazes de impedir a prática de exercícios por dias?

E uma das causas de dores musculares neste período pode ser a má postura no trabalho, que também passou a ser em esquema de home office, realizado todo o tempo dentro de casa por muitas pessoas.

Continua depois da publicidade

Leia também: Clareamento odontológico, entenda seus prós e contras

Ter um ambiente apropriado para trabalhar, então, é imprescindível para manter o bem-estar e, mesmo que indiretamente, a frequência e a qualidade dos treinos.

Foto: Reprodução/Internet

Melhore a postura para evitar as dores

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a dor lombar está entre as 10 principais doenças e lesões que estão diminuindo a qualidade de vida da população mundial, quadro que pode se agravar com o trabalho home office.

“À medida que o tempo passa vão surgindo os problemas relacionados à falta de adequação ao trabalho remoto. Senta-se na cadeira que não é tão confortável quanto a do escritório, tenta ficar na poltrona, no sofá, mal acomodado com posições mais relacionadas ao repouso do que ao trabalho”, destaca o angiologista Álvaro Pereira.

É necessário, portanto, adotar um conjunto de regras na rotina para render em casa o mesmo que você renderia no escritório e preservar os músculos para outras atividades, prevenindo as dores.

Crie um ambiente adequado para o home office

Evite trabalhar na cama ou no sofá. Se não tiver escritório, posicione o notebook ou computador na mesa da cozinha ou da sala e opte por uma cadeira bem confortável, de preferência com encosto.

Foto: Reprodução/Internet

Vale investir em uma cadeira apropriada, com regulagem de assento e de encosto e estofado confortável, afinal, você vai passar uma parte considerável do seu dia nela.

Ajuste o computador

Para que o pescoço não fique inclinado para baixo, o monitor deve ficar na altura dos olhos. Adotar um suporte é uma ótima opção, mas se o profissional não tiver, pode colocar livros e revistas embaixo do monitor ou do notebook para nivelar a altura.

O mouse deve ser posicionado próximo ao corpo para que o profissional faça o mínimo de esforço ao mover e clicar o dispositivo. Para manuseá-lo, apoie o antebraço na mesa e use apenas o movimento do punho. Não é aconselhado apoiar o cotovelo na mesa, pois o ato pode acarretar em tendinites.

Sente-se corretamente

Coloque as pernas paralelas à cadeira, flexione os joelhos em um ângulo de 90 graus e mantenha os pés bem apoiados no chão. Os braços devem ficar ao lado do corpo, com ombros e pescoços relaxados e os antebraços devem fazer um ângulo de 90 graus. É importante ajustar o encosto da cadeira na região lombar para que se mantenha o tronco ereto.

Faça pausas durante o home office

Para o home office, depois de um tempo trabalhando, faça uma pausa para respirar fundo, beber água e ir até o banheiro. São atos simples que ajudam a relaxar o corpo e a mente e, de quebra, ganhar produtividade.

Separe também 15 minutos do dia para fazer exercícios de alongamento de baixa complexidade para pernas, braços, coluna e pescoço.

Por: Sportlife

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em