Foto: Patrick Marques/G1 AM

Um homem de 39 anos foi preso suspeito de estuprar uma menina de 4 anos, no bairro Tancredo Neves, Zona Leste de Manaus, no sábado (15). Ele era vizinho da vítima. A criança estava na casa do suspeito, quando ele abaixou as calças e a forçou a praticar sexo oral. O homem era foragido da justiça e já respondia pelo crime de estupro.

De acordo com o delegado Christiano Castilho, do 14° Distrito Integrado de Polícia (DIP), a mãe da criança procurou a delegacia para denunciar o caso no dia 23 de agosto. Após o crime, a criança contou o que o suspeito havia feito.

Foto: Divulgação

“Eles eram vizinhos. O homem já vinha ganhando a confiança da criança. Ele brincava . Depois, ele passou a ter ideias mais pervertidas com ela, quando o crime aconteceu e chegou até a nós na delegacia”, disse o delegado.

Segundo a polícia, a criança brincava no quintal da casa do homem no dia do caso. Ele a chamou para um local mais reservado no quintal, abaixou a calça e ordenou o sexo oral. Ela obedeceu e, depois, começou a chorar. Ele ainda a ameaçou caso contasse para alguém.

Ainda conforme Castilho, a polícia iniciou buscas pelo suspeito. Ele foi localizado no sábado (15), ao vender chips de celular em uma feira, no bairro Tancredo Neves.

“Ele confessou o crime. Ele já responde a outro processo pelo crime de estupro. Estava preso. Em 2014, ele conseguiu prisão temporária e não compareceu mais ao sistema prisional”, informou Castilho.

“O perfil do agressor costuma ser esse. Alguém próximo que ganha a confiança da criança para cometer os crimes. A criança deve passar por atendimento psicológico e receber todo apoio médico que precisar”, diase a delegada Joyce Coelho, da Delegacia Especializada em Crimes contra a Criança e ao Adolescente (Depca).

O homem deve responder pelo crime de estupro de vulnerável. Após os procedimentos cabíveis na delegacia, ele deve ser encaminhado para o Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here