Foto: Divulgação/DRE-AM

A Delegacia de Repressão a Entorpecentes da Polícia Federal do Amazonas (DRE-AM) realizou uma apreensão de 840 kg de cocaína de “alta pureza”, durante ação fluvial no interior do Estado. O grupo interceptou a carga dentro de um barco de transporte de gado, na calha do Rio Solimões, trecho compreendido entre os municípios de Anamã e Manacapuru.

A carga de drogas encontrava-se oculta na estrutura da embarcação, conhecida como “balsa boieira”. Para acessar o compartimento onde a droga estava escondida, a equipe de policiais federais contou com o apoio dos bombeiros militares da Segunda Companhia Independente de Manacapuru.

Foto: Adauto silva

Durante a ação, três indivíduos de nacionalidade brasileira foram presos em flagrante, indiciados por tráfico transnacional de drogas e associação para o tráfico. Segundo os presos, a droga seria de origem colombiana. Ela foi embarcada na região da tríplice fronteira e teria como destino o estado do Pará.

Em nota enviada, a Delegacia de Repressão a Entorpecentes destaque a qualidade da droga apreendida, tratando-se da “cocaína de mais alta pureza existente no mercado do tráfico”. o ilícito é vulgarmente conhecido como “brilho” e/ou “escama de peixe”, que normalmente se destina à exportação.

Essa foi a maior apreensão do referido tipo de droga da história da Polícia Federal do Amazonas.

Fonte: G1

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here