Foto: Reprodução

Manaus teve uma média de 15 veículos furtados e roubados por criminosos por dia, somente de janeiro a junho deste ano. Ao todo, 2.777 carros, motos e outros veículos automotores foram alvos de furtos e roubos na capital no primeiro semestre de 2018. Foram recuperados no mesmo período menos da metade dos veículos levados pelos ladrões.

Segundo levantamento da Secretaria de Segurança Pública do Amazonas (SSP-AM), no primeiro semestre deste ano foram 1.120 furtos de veículos e 1.657 roubados. Enquanto que no mesmo período foram 1.387 veículos recuperados pelas Polícias Civil e Militar. Um índice de 49,9% de recuperação.

A quantidade total de casos de furtos e roubos de veículos registrados em todo ano passado é assustadora. Foram 8.107 veículos furtados e roubados na capital. Uma média diária de 22 veículos levados pelos criminosos. As policiais conseguiram recuperar 4.214 veículos de janeiro a dezembro de 2017.

Veículos enviados para interior

As dificuldades logísticas não têm dificultado a ação dos criminosos, que roubam e furtam veículos em Manaus e enviam carros e motos para municípios do interior do Amazonas por meio de transporte fluvial. Essa ação das quadrilhas ficou evidente nas últimas operações do sistema segurança pública do estado.

Durante operação em junho, a Polícia Civil recuperou 56 veículos. A maioria era motos, 53 motocicletas. A ação para recuperar os veículos foi realizada em Itapiranga, São Sebastião do Uatumã e Urucará – a 227, 247 e 261 km da capital, respectivamente.

Maioria de veículos recuperados é motocicleta (Foto: Lana Honorato/Polícia Civil)

Maioria de veículos recuperados é motocicleta (Foto: Lana Honorato/Polícia Civil)

Na ocasião, o delegado Rafael Allemand, titular da Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos (Derfv), disse que os veículos chegaram na capital no dia 22 de junho. Todos estavam com adulterações.

“A maioria foi roubada ou furtada aqui em Manaus, por isso estamos realizando essa entrega na capital. Todos estavam com placas clonadas e chassis adulterados, mas após a realização de perícia nos veículos, conseguimos identificar as placas e chassis originais e, a partir disso, poder devolver os carros e motos aos devidos proprietários”, explicou.

Conforme o delegado Mateus Moreira, diretor do Departamento de Polícia do Interior (DPI), que coordenou a operação, os trabalhos investigativos duraram cerca de um mês. Ao longo das diligências foi constatado que as motocicletas roubadas e furtadas estavam circulando normalmente nos municípios para onde haviam sido levadas.

Novo sistema de monitoramento

A SSP-AM iniciou a implantação de um novo sistema de monitoramento de veículos roubados e furtados na capital amazonense. Trata-se do Sistema de Gestão de Veículos Roubados (SGV). O sistema utiliza a estrutura do Centro Integrado de Comando e Controle (CICC), com 36 telas para monitoramento em tempo real por servidores da Segurança Pública e outros órgãos, incluindo as Polícias Militar e Civil, Instituto Municipal de Engenharia e Fiscalização de Trânsito (Manaustrans), Corpo de Bombeiros, Guarda Municipal de Manaus e Secretaria de Estado de Justiça, Direitos Humanos e Cidadania (Sejusc).

De acordo com o chefe do Departamento de Planejamento Integrado da Secretaria Executiva Adjunta de Planejamento e Gestão Integrada (Seagi), capitão da PM Rouget Brito, é fundamental que quem teve o veículo roubado ligue para o 190, acionando o SGV. “A gente entende que quanto mais rápida for a abordagem policial, maior vai ser a possibilidade de recuperar o veículo roubado”, afirmou.

Antes da implantação deste novo sistema, quem tinha o veículo roubado ligava para o 190 e informava o roubo. “Contudo, não havia um banco de dados que integrava todas as ligações sobre veículos roubados, diminuindo a velocidade de acesso a informações pelas polícias”, disse.

Com o novo sistema, o processo ficou mais ágil. “Agora, o cidadão liga para o 190, o atendente registra os dados do veículo e o processo de busca já é iniciado, antes mesmo de o Boletim de Ocorrência ser registrado. O ganho maior está na agilidade com que as informações chegam até os policiais que estão nas ruas”, completou o capitão.

Mesmo com acionamento telefônico, os proprietários de veículos furtados e roubados devem registrar boletim na Delegacia Especializada em Roubos e Furtos de Veículos do Amazonas (Derfv), que funciona na avenida Professor Nilton Lins, nº 74, no Parque das Laranjeiras. O registro do BO permite que o veículo seja incluído no sistema de restrição de roubo ou furto.

Fonte: G1 Amazonas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here