Turismo em Israel

Todos sabemos o que está acontecendo em nosso Estado (acho que menos uma pessoa), uma série de crises que envolvem Saúde, Educação e Segurança, podemos dizer que estamos cercados pelo caos, e o excelentíssimo Governador resolve passar uma semana a pedido do seu partido político (PSC) em Israel.

Segundo informações o governador disse que está aproveitando para conhecer as tecnologias de segurança do local.

Uma pergunta, não temos nenhuma opção plausível em termos de segurança no País?

De acordo com o mesmo, saber mais sobre estes itens pode contribuir para a melhoria da segurança no Amazonas. Mas e o Estado como fica? Conhecer essas tecnologias vai trazer algum benefício?

O Amazonas está sendo estampados nas capas e reportagens dos principais jornais do país e até no mundo, a segurança pública está de cabeça para baixo, é briga de facções nos presídios, assaltos, mortes, cacos de pessoas sendo abandonados pela rua, a coisa está feia por aqui e vemos o Governador sair do país para uma viagem que no momento não tem nenhum fundamento específico.

Na ausência dele, sim tem alguém em seu lugar, mas a partir do momento que a população o elegeu, o mínimo que ele deveria fazer era se preocupar mais com as questões que envolvem nosso Estado.

Sabemos que tem essas questões partidárias, mas isso pode dar margem de que o governado não se incomoda nem um pouco das “BRONCAS” que existem por aqui.

Em 5 meses Wilson Lima passou 39 dias viajando antes dessa viagem, o Portal Transparência do Amazonas revelou que o governador Wilson Lima (PSC) ‘recebeu’ próximo de 100 mil reais por esses dias que esteve fora.Esse valor é quase quatro vezes maior que o seu salário de 27 mil.

As desculpas para todas essas viagens são sempre as mesmas, interesses do Amazonas.

A Secretaria de Comunicação do Estado (Secom) informou que a viagem não foi custeada pelos cofres públicos e que o governador deve retornar para o Amazonas nesta quinta-feira (6), e por esse motivo nem a agenda foi divulgada.

Essa viagem vai ser caracterizada como turística então? Uma semana de folga? Já que não tem finalidade por assim dizer. Se ele estava aproveitando para ver questões do Estado, porque não deixou isso claro?

Mas vídeos que circulam na internet mostram uma pessoa descontraída passeando pelos pontos turísticos da Terra Santa, aliás ele não tem com que se preocupar.

Veja o vídeo e tire suas conclusões:

Wilson Lima (PSC) passou boa parte da greve dos professores fora de Manaus, deixando os problemas nas mãos do seu Vice, Carlos Almeida Filho (PRTB) e do presidente da ALE-AM, Josué Neto (PSD), esse último sim chamou para si a responsabilidade de resolver o problema e resolveu.

O Sindicato dos professores por diversas vezes fez reclamações, alegando nunca conseguir falar com o Governador (que é um fato) e na crise política ele nunca está presente.

Em que mundo vive o nosso governante? Em meio a todos esses problemas, a figura dele não se faz presente, ele não mostra para o que foi eleito.

Foi depositado nele uma confiança do novo, de que o novo era a mudança que precisamos para se ter um Estado melhor, que as coisas ruins de governos anteriores ele iria resolver. Que a “Bronca era com ele”.

Em seis meses de governo ainda é muito cedo para falar? Acho que não.

Temos 3 anos e meio de Wilson Lima pela frente, e até o momento a “BRONCA” só aumenta e soluções não são convincentes.

E Agora? Entramos no sexto mês de governo. E o que podemos esperar?

Por: Thay Freitas

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.