Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Mais de 120 trabalhadores do Tropical Hotel já foram demitidos

Publicado em

Mais de 120 trabalhadores com vínculo empregatício do Hotel Tropical Manaus foram dispensados nos últimos dias, segundo o Sindicato dos Empregados do Comércio Hoteleiro do Estado do Amazonas (SindHotel-AM).

O estabelecimento suspendeu as atividades por tempo indeterminado após a Amazonas Energia cortar o fornecimento do local por uma dívida estimada em R$ 8 milhões.

O presidente do SindHotel-AM, Gerson Almeida, afirmou que está acompanhando o desligamento de 126 trabalhadores com vínculo empregatício do Tropical Hotel.

Continua depois da publicidade

O sindicalista também ressaltou que tem tentado apelar para as autoridades municipais e estaduais para que seja encontrada uma solução para o Tropical Hotel.

A assessoria de imprensa do Hotel Tropical, Paulo Roberto, informou que o estabelecimento passa ainda pela reestruturação e o prazo para que seja concluída permanece entre 15 a 60 dias. O fechamento do estabelecimento foi descartado.

“Não mudou não, tudo continua na mesma. Continuamos no mesmo cronograma de sempre, tentando negociar com a Amazonas Energia e fechando um acordo. O prazo para a reestruturação ser finalizada ficou entre 15 a 60 dias, continuamos dentro do cronograma. Além das negociações, estamos fazendo obras”, disse Paulo.

Mesmo com o estabelecimento fechado para as atividades comerciais, o zoológico do Hotel Tropical Manaus continua funcionamento normalmente.

No dia 16 de maio, uma visitante do Tropical Hotel denunciou para a reportagem o estado de saúde de uma onça macha, residente do zoológico. Um vídeo do animal silvestre com uma respiração ofegante foi compartilhado em aplicativos de mensagens.

A dívida do Tropical com a Amazonas Energia é estimada em R$ 8 milhões, mas o estabelecimento não reconhece esse valor.

Na ocasião, a Amazonas Energia informou que há mais de 20 anos ocorrem diversas tentativas de negociações com o Tropical Hotel Manaus.

Segundo a instituição, as suspensões de fornecimento de energia elétrica do hotel, por não cumprimento dos acordos, ocorreram por diversas vezes ao longo dos anos.

No ano passado, em virtude de débitos com contas de energia no valor de R$ 500 mil, a então Eletrobras cortou o fornecimento de energia elétrica do Tropical Hotel Manaus.

Leia Também: Manifestantes realizaram ato em Manaus em apoio ao presidente
Fonte: ACrítica
Categoria

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X