Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Reino Unido identifica seis casos da variante de Manaus do Coronavírus

Três casos foram encontrados na Inglaterra e outros três na Escócia; especialistas temem que a cepa seja resistente às vacinas

Publicado em

Pelo menos seis casos da variante do Coronavírus identificada pela primeira vez na cidade de Manaus (AM) foram detectados no Reino Unido, disseram autoridades de saúde inglesas neste domingo (28).

Dois dos três casos encontrados na Inglaterra eram de uma família na área de South Gloucestershire que tinha histórico de viagens ao Brasil.

Houve um terceiro caso, atualmente não vinculado, segundo informações da Public Health England (PHE), agência do Departamento de Saúde do Reino Unido. Os três outros casos foram detectados na Escócia, segundo a PHE.

Continua depois da publicidade

Especialistas temem que a cepa, identificada pela primeira vez em Manaus e que pode ser mais contagiosa, seja resistente às vacinas administradas no Reino Unido.

Entre os três casos na Inglaterra, dois correspondem a uma mesma família no sul de Gloucestershire. Eles estiveram no Brasil em meados de fevereiro, antes da imposição de restrições a viajantes procedentes do país. O terceiro caso não está vinculado a essa viagem.

Os outros correspondem a três residentes da Escócia que voltaram do Brasil, com escala em Paris e Londres, de acordo com as autoridades.

Mais contagiosa?

“A identificação desta nova variante é uma preocupação, mas estamos tomando toda a precaução possível”, disse neste domingo (28) a secretária de Saúde da Escócia, Jeane Freeman.

As autoridades consideram a cepa de Manaus preocupante por compartilhar as mesmas mutações que a variante identificada na África do Sul, considerada mais contagiosa.

Esses três contágios detectados na Escócia não estão ligados aos que foram identificados na Inglaterra.

Por: R7

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em