EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Empresário Romero Reis anuncia saída do PSL-AM

Publicado em

Pré-candidato anunciado à Prefeitura de Manaus, o empresário Romero Reis informou que não será mais o nome do PSL no Amazonas para concorrer à gestão municipal. Ele anunciou nesta segunda-feira (21) que pediu desfiliação da legenda do presidente Jair Bolsonaro. Por assessoria de imprensa, Reis comunicou que seu desconforto era visível com os rumos que a direção estadual da legenda estava tomando.

O primeiro motivo da saída seria a suposta negação da direção em discutir abertamente a sucessão eleitoral de 2020. A legenda no Amazonas estaria tentando asfixiar nomes que se colocassem na disputa, sem apresentar e discutir projetos com a sociedade, enquanto outros partidos seguem o movimento contrário.

A assessoria de Reis comunicou que a gota d’água pela desfiliação foi a postura do presidente regional da legenda, Pablo Oliva, que ficou em cima do muro, “aproveitando as benesses do uso do fundo eleitoral, alinhando-se com Luciano Bivar, e ao mesmo tempo acenando para o Presidente Bolsonaro”. O grupo de Romero considera o ato de Oliva como uma grave traição.

Leia também: Joice estuda acionar filhos de Bolsonaro na Justiça

“Na campanha de 2016, foi justamente um vídeo gravado por Jair Bolsonaro que alavancou a votação do hoje deputado federal. Todos acreditam que, sem pegar carona na campanha de Bolsonaro, Pablo não teria sido eleito. Por isso, a gravidade da ação do deputado que teria trocado a fidelidade ao presidente pelo dinheiro do fundo eleitoral”, diz trecho de comunicado à imprensa.

Romero Reis comentou sobre sua saída o partido. “Nesse momento é preciso ter duas coisas: a primeira delas é posição. Cada um tem que consultar a sua consciência e ser fiel ao seu princípio. E o segundo ponto é ter coerência. Por isso, não tenho mais como continuar no PSL. Aqui no Amazonas, o partido se entregou ao Bivar apenas de olho no dinheiro do fundo partidário. Sempre disse que sou contra isso”, comentou.

O empresário ainda não anunciou para qual partido poderá migrar. Nos bastidores, especula-se que uma posição deve ser anunciada ainda nos próximos dias.

Fonte: A Crítica

1 COMENTÁRIO

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X