Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

‘Não é convite, é convocação’, diz Luxa sobre volta ao Vasco

Treinador se apresentará no sábado e espera ajudar na luta para manutenção do clube na Série A: "Foi uma convocação para que eu possa contribuir aí com a minha experiência nesses 12 jogos que faltam"

Publicado em

Faz pouco mais de um ano que Vanderlei Luxemburgo deixou o Vasco, mas a memória do treinador de 68 anos mantém viva a relação com o clube e com a torcida.

Tanto que, ao comentar o retorno a São Januário, anunciado nesta quinta-feira, o novo velho técnico vascaíno lembrou o amor que recebeu em 2019 e definiu o convite de retorno como convocação.

Em contato com o GE, Luxa citou quatro vezes a palavra “convocação”. Foi assim que definiu a rápida tratativa que teve para acertar com o Vasco até o final de fevereiro, quando do término do Brasileirão. A missão, mais uma vez, será tirar o time da “zona da confusão”, como definiu em 2019 o risco de rebaixamento.

Continua depois da publicidade

Leia também: Sir Lewis Hamilton: Campeão da Fórmula 1 recebe título de cavaleiro britânico

O Vasco me fez um convite, mas eu não entendo como convite. Entendo como uma convocação. Acho que foi uma convocação para que eu possa contribuir aí com a minha experiência nesses 12 jogos que faltam para o Vasco se manter na primeira divisão.

E também uma convocação que eu aceitei de pronto por tudo o que o Vasco fez comigo no ano passado – disse, para completar:

Eu pude trabalhar e tive carinho e amor da torcida. Eles dizem que sou o único rubro-negro que eles gostam… Então, entendo isso como uma convocação. E de pronto eu aceitei.

Luxa declarou algumas vezes no passado ser torcedor do Flamengo. Em 2019, após pouco mais de um ano e meio parado, foi contratado pelo Vasco. E, de pronto, teve identificação com o torcedor. Suas palestras motivacionais viralizaram por ele exaltar a grandeza e a força do Vasco.

Recentemente, após a demissão de Ricardo Sá Pinto, muitos vascaínos pediram a contratação de Luxa nas redes sociais. Ele volta com o auxiliar Mauricio Copertino e os preparadores físicos Antônio Melo e Daniel Félix – o primeiro dia de trabalho será no sábado. No total, Luxemburgo dirigiu a equipe em 37 jogos, com 15 vitórias, 12 empates e dez derrotas.

Em 17º lugar, com 28 pontos, um a menos do que o Sport, o primeiro fora do Z-4, o Vasco volta a campo no dia 7 diante do Atlético-GO.

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em