EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish
sábado 04

de

abril

Menu

Restos mortais de Kobe são liberados aos familiares

Ainda não há uma definição da data do funeral do astro da NBA e da filha

Os restos mortais de Kobe Bryant, da sua filha Gianna, e das outras sete pessoas que morreram em acidente de helicóptero no dia 26 de janeiro, na Califórnia, foram liberados para os familiares pelo Serviço Médico Legal, informou o gabinete do legista do condado de Los Angeles.

Ainda não há uma definição da data do funeral do astro da NBA e da filha. O prefeito de Los Angeles, Eric Garcetti, conversa com os familiares de Kobe e também com pessoas ligadas ao Los Angeles Lakers, equipe em que ele atuou por 20 temporadas, para escolher o melhor local para uma última despedida.

Além de Kobe e Gianna, morreram no acidente o piloto Ara Zobayan; Sarah Chester e sua filha Payton; Christina Mauser, que foi assistente de Bryant na equipe Mamba Sports Academy; e John Altobelli, técnico de beisebol do Orange Coast College por muitos anos, sua mulher Keri e sua filha Alyssa.

Leia Também: Hong Kong registra primeira morte por coronavírus; Macau fecha cassinos

Todos viajavam do Aeroporto John Wayne, em Orange County, para a cidade de Newbury Park, no Condado de Ventura, Califórnia, onde o time de Gianna, Alyssa e Payton faria um jogo pelo Mamba Academy, que teria Kobe Bryant como técnico.

As investigações para determinar as causas do acidente continuam e não existe uma previsão para serem encerradas.

O FBI está no comando com ajuda da Agência Federal de Aviação dos EUA e o Conselho Nacional de Segurança no Transporte (NTSB, na sigla em inglês), que nunca registrou um acidente envolvendo um modelo Sikorsky S-76B, igual ao que Kobe estava.

Em 20 temporadas na NBA, todas pela franquia da Califórnia – exigiu ser trocado para o Lakers ao ser escolhido no Draft de 1996 pelo Charlotte Hornets.

Kobe conquistou cinco títulos, dois prêmios de MVP (jogador mais valioso) das finais, um de MVP da temporada regular, além de 18 indicações para o All-Star Game. Foram ainda dois ouros olímpicos pela seleção americana, em Pequim-2008 e Londres-2012.

Fonte: Terra

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em

X