Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Governo destina mais R$ 5,5 bilhões para compra de vacinas contra Covid-19

Do total, R$ 1,7 bilhão irão para a Fiocruz e os outros R$ 3,8 bilhões para o Fundo Nacional de Saúde, viabilizando cerca de 150 milhões de doses

Publicado em

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) editou nesta segunda-feira (10) uma medida provisória para destinar mais R$ 5,5 bilhões para produção, fornecimento e distribuição de doses de vacinas contra Covid-19.

A MP 1.048 de 2021 foi publicada em edição extra do “Diário Oficial da União”. A medida tem validade imediata, mas precisa ser referendada no Congresso Nacional em até 120 dias para não perder a validade.

Do total, a MP prevê R$ 1.680.000 para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que é ligada ao Ministério do Saúde e está responsável, no Brasil, pela vacina de Oxford e da AstraZeneca. O valor deve custear 50 milhões de doses.

Continua depois da publicidade

Os outros R$ 3.820.071.904 serão depositados no Fundo Nacional de Saúde, para “Aquisição e Distribuição de Imunobiológicos e Insumos para Prevenção e Controle de Doenças (Crédito Extraordinário – Covid-19)”.

Segundo a Secretaria-Geral da Presidência, o dinheiro também será destinado à compra de mais de 100 milhões de doses de vacina da Pfizer e despesas associadas à imunização contra a Covid-19.

O governo já havia editado no ano passado outra medida provisória que previa a destinação de 20 bilhões de reais para a compra de vacinas contra a Covid-19. Deste total, R$ 16,1 bilhões já foram empenhados.

*Com informações da Reuters e do Estadão Conteúdo

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em