Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Governador do Amazonas, Wilson Lima, testa positivo para a Covid-19

Wilson Lima anunciou que diagnóstico foi informado na tarde desta quinta-feira (13). Ele é o 12º governador a testar positivo para a doença.

Publicado em

O governador do Amazonas, Wilson Lima (PSC), testou positivo para a Covid-19. Em nota divulgada nesta quinta-feira (13), a Secretaria de Comunicação do Governo informou que ele está sem sintomas e permanecerá em isolamento.

 Ele é o 12º governador do País a contrair o vírus. Em todo o Amazonas, já são mais de 108 mil casos confirmados, até quarta-feira (12).

Por conta do isolamento domiciliar recomendado, segundo a nota, o governador despachará por videoconferência. Nessa quarta-feira (12), o governador cumpriu agenda no interior do Amazonas e chegou a participar de diversos compromissos no município de Novo Aripuanã.

Continua depois da publicidade

Leia também: Alunos são dispensados de escola em Manaus após professora testar positivo

“Seguindo aquele nosso compromisso de total transparência em ações relacionadas ao coronavírus, estou vindo aqui comunicar que recebi o resultado do meu exame e deu positivo para o Covid-19. Estou bem de saúde, mas vou seguir todas as recomendações médicas. A partir de hoje, estou em isolamento, inclusive aqui dentro de casa. Vou ficar despachando com os meus secretários e mantendo algumas reuniões por videoconferência”, disse, em vídeo divulgado nas redes sociais.

Teste anterior

No dia 18 de março, o governador já havia feito um teste para saber se tinha contraído a Covid-19. Na ocasião, a decisão foi tomada após Lima ter se encontrado com o presidente do Senado, Davi Alcolumbre que, na época, tinha testado positivo para a doença.

Veja também: Nota de esclarecimento da FVS-AM em relação ao aumento de óbitos no AM

No dia 29 de junho, o prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto, também testou positivo para a Covid-19.

Uma semana depois do diagnóstico, ele e a primeira-dama do município, Elizabeth Valeiko, foram transferidos para o Hospital Sírio Libanês, em São Paulo, para dar continuidade ao tratamento, e retornaram para a capital amazonense no dia 29 de julho.

Em todo o estado o total de infectados pelo novo coronavírus ultrapassa os 109 mil casos.

Fonte: G1 Amazonas

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X