Foto: Adneison Severiano/G1 AM

m homem supostamente envolvido com uma facção criminosa e suspeito de roubar mercadinhos na Zona Norte de Manaus foi preso pela Secretaria Executiva-Adjunta de Inteligência (Seai). Josiney Silva do Nascimento, de 28 anos, também era procurado há quatro anos pela polícia após ter sido flagrado com carga de drogas no interior do estado. Ele foi apresentado à imprensa nesta terça-feira (7).

A equipe de investigação prendeu o suspeito por volta das 7h dessa segunda-feira (6), na rua Bom Pastor, no bairro Santa Etelvina. Para a Polícia Civil, Josiney do Nascimento foi autor de, pelo menos, dois roubos a mercadinhos nos bairros Colônia Terra Nova e Santa Etelvina, na Zona Norte da capital.

Os assaltos ocorreram neste ano. De cada estabelecimento os criminosos roubaram celulares e aproximadamente R$ 500. A polícia apreendeu um carro modelo Cobalt, que foi alugado e usado nas ações criminosas.

A Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (Derfd) suspeita que Nascimento não agiu sozinho e continuará com as investigações para identificar os possíveis comparsas.

“Estamos na fase inicial dessas investigações e estamos divulgando as imagens do Josiney e do veículo. Quem analisar as imagens e conseguir identificá-lo pode procurar a Derfd que instauraremos o procedimento policial”, disse o delegado adjunto da Derfd, Samir Freire.

O suspeito foi indiciado em dois inquéritos por roubo. Ele será levado para Centro de Detenção Provisória Masculino (CDPM).

Tráfico internacional de drogas

Em fevereiro de 2014, Josiney do Nascimento foi preso em flagrante pela Polícia Federal. Ele foi flagrado com 42 kg de cocaína em Tabatinga, a 1.108 de distância da capital. Os entorpecentes tinham sido transportados da comunidade Santa Rosa, no Peru, e entraram pela faixa de fronteira no Amazonas.

Desde de 2015 Josiney de Oliveira era considerado foragido da justiça e havia mandado de prisão preventiva em aberto.

“O Josiney é pertencente a um grupo criminoso. Ele tinha sido preso em 2014 com uma quantidade expressiva de cocaína e sua esposa foi presa, também, por agentes da Seai em junho. Ela vinha do município de Tefé e foi presa dentro de uma aeronave no Aeroporto Eduardo Gomes com cerca de seis quilos de maconha Skank. O destino final dela era o aeroporto de Campinas. São pessoas que já estão acostumadas a delinquir e estamos atentos a essas facções criminosas”, disse o delegado Denis Pinho, coordenador de operações da Seai.

Fonte: G1 Amazonas

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here