EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish
sexta-feira 10

de

abril

Menu

Prefeitura de Manaus investe R$15 milhões em esportes para 2020

‘Investir no esporte é investir em cidadania', diz Arthur sobre R$ 15 milhões em incentivo ao setor

Este ano será o ano onde um dos maiores investimentos da história dos esportes na capital e a criação de oportunidade para desportistas amazonenses.

Serão mais de R$ 15,5 milhões investidos pela Prefeitura de Manaus na reforma e construção de espaços de esporte e lazer e em programas de incentivo à atletas e paratletas.

“Lançamos o edital para revitalização de mais de 40 espaços esportivos ainda no ano passado e este ano iremos executar uma das maiores ações de incentivo ao esporte nas comunidades. Para mim, investir no esporte é investir em cidadania”, afirmou o prefeito Arthur Neto.

O investimento será dividido em três frentes: R$ 14,3 milhões serão para a construção e reforma de 41 espaços esportivos; R$ 1,029 milhão será destinado ao programa de valorização ao atleta e paratleta, o Bolsa Atleta Municipal; e mais de R$ 135 mil para apoio com passagens aéreas.

“É, sem dúvidas, um marco para Manaus o investimento que faremos em estrutura e, principalmente, na valorização de atletas e paratletas amazonenses. A organização fiscal, e aqui destacamos o trabalho do prefeito Arthur Neto à frente da prefeitura, nos deu condições para realizar todos esses investimentos que irão atingir de forma positiva as pessoas nos bairros”, destacou o secretário municipal de Juventude, Esporte e Lazer, João Carlos.

Prefeitura de Manaus investe em esportes para 2020
Prefeitura de Manaus investe em esportes para 2020 (Foto: Divulgação Semcom / Semjel)

O esporte de base e recreação, aquele que atinge diretamente a população no dia a dia, será beneficiado com as 44 obras a serem feitas nos 41 espaços que receberão melhorias como pintura, troca de refletores, equipamentos, construção de cobertura, entre outros serviços que contemplarão todas as zonas da cidade.

 Destaques

O principal destaque no pacote de obras que a cidade irá receber na esfera esportiva será a construção do complexo, no valor de R$ 2,7 milhões, que contará com um velódromo e uma quadra de tênis, a primeira pública da cidade.

O espaço será aproveitado como escolinhas para a descoberta de novos talentos, como afirma o presidente da Federação de Ciclismo Amazonense (Feciclam), Juliano Macanoni.

“A excelente iniciativa partiu do prefeito Arthur Neto que também é ciclista e, junto com a Semjel e Feciclam, chegamos em um consenso, que é a necessidade da construção da pista tamanha a demanda de ciclista aptos a competições na cidade de Manaus. A Feciclam se prontificou junto a ser a mantenedora da pista e, assim, desenvolver o ciclismo de pista com as equipes já existentes e promover escolinha de ciclismo, sempre buscando e promovendo esporte, lazer, bem-estar e direcionamento aos jovens”, contou Juliano.

O “gigante da zona Leste”, o complexo esportivo do Teixeirão, receberá a primeira reforma desde sua inauguração há 25 anos. O espaço passará a ser um Centro de Esporte e Lazer (CEL) e contará, diariamente, com atividades voltadas para crianças e terceira idade.

Para o vendedor Augustinho de Castro, a reforma fará a população utilizar mais o complexo que tem média de três mil pessoas por semana.

“Um espaço reformado vai ser motivo para as pessoas voltarem a utilizá-lo. Com atividades diárias, esperamos aumentar o número de pessoas. Atividades que antes não aconteciam vão voltar a ser realizadas por causa da reforma que será feita”, destacou.

R$ 14,3 milhões do total serão para a construção e reforma de 41 espaços esportivos
R$ 14,3 milhões do total serão para a construção e reforma de 41 espaços esportivos (Foto: Divulgação Semcom / Semjel)

Leia Também: Liverpool prioriza renovação contratual de Alisson e Van Dijk

Abrangente

Programa de sucesso e que foi relançado com “cara nova”, o Bolsa Atleta Municipal foi universalizado e, com investimento anual de R$ 1,029 milhões, irá atender, a partir deste ano, 102 atletas e paratletas do alto rendimento e do esporte de base.

Atualmente, estão sendo selecionados os novos integrantes do programa que irá beneficiar os desportistas com valores de R$ 700 mensais para a base e de R$ 2,5 mil para desportistas do alto rendimento.

“Reestruturamos o programa e hoje o Bolsa Atleta Municipal é mais abrangente e vai chegar a quem precisa. O foco maior será, no que é obrigação nossa, o incentivo ao atleta de base, aquele que está iniciando no esporte e precisa de incentivo para continuar trabalhando em busca dos seus sonhos. Mas não deixaremos de atender os desportistas do alto rendimento, que continuarão sendo beneficiados e assistidos pela Prefeitura de Manaus”, afirmou o secretário João Carlos.

Com trajetória de destaque no karatê amazonense, os “irmãos Faria”, Nathália e Carlos Eduardo, almejam contar com o benefício do Bolsa Atleta para auxiliá-los nos treinamentos e preparo para competições.

“Esperamos conseguir o apoio do Bolsa Atleta que, com certeza, será um grande incentivo para nós que treinamos diariamente e buscamos em competições, sejam nacionais ou internacionais, a posição mais alta para o Amazonas”, relatou a faixa preta.

Rumo à Nova Iorque

Em 2019, foram emitidas, aproximadamente, 200 passagens aéreas para que desportistas amazonenses representassem o Estado em competições nacionais e internacionais.

O apoio contou com investimento de R$ 135 mil e abrangeu diferentes modalidades, 36 no total, sendo olímpicas ou não, dentre elas jiu-jitsu, futebol, natação, boxe, karatê, judô, entre outras.

O apoio do poder público municipal muda vidas e está prestes a mudar a de Rubem Souza, conhecido como “Rubem da Fé”. Com o apoio da Prefeitura de Manaus, o amazonense viajou até a Bahia para se tornar campeão Norte/Nordeste de Boxe.

O nocaute no primeiro round despertou o interesse de dirigentes que propuseram a ele assinar com uma organização norte-americana para lutar boxe em Nova Iorque.

“Se não fosse o apoio da Prefeitura de Manaus e da Semjel teria sido muito mais difícil ter ido lutar o Norte/Nordeste na Bahia e conquistar esse título”, disse Rubem, que recebeu o cinturão do consagrado boxeador norte-americano Evander Holyfield.

Natural de Careiro Castanho, o lutador se prepara para defender o cinturão e assinar o primeiro contrato internacional.

“É gratificante ter o reconhecimento do poder público para representar o nosso Estado. Vou defender o título dia 15 de fevereiro e depois assinar o contrato com organização para seguir carreira em Nova Iorque”, concluiu.

Fonte: Em Tempo

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em

X