Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Em Israel, Ernesto Araújo é repreendido por não usar máscara

Ministro brasileiro se encontrou com o chanceler israelense Gabi Ashkenazi neste domingo. Em nota conjunta, os dois governos se comprometeram a fomentar parcerias para o desenvolvimento de vacinas, tratamentos e medicamentos para o Covid-19.

Publicado em

Em visita oficial a Israel para conhecer testes preliminares de uma droga contra a Covid, o ministro das Relações Exteriores, Ernesto Araújo, foi repreendido por não usar máscara durante uma cerimônia oficial com o chanceler israelense Gabi Ashkenazi.

Ao fim da entrevista, o mestre de cerimônias chama as duas autoridades para bater a foto oficial. Ernesto vai ao encontro do ministro israelense, este já de máscara, momento em que é repreendido pelo apresentador: “Nós precisamos que coloque a máscara”.

Máscara, só no exterior

As imagens já divulgadas da missão oficial a Israel também mostram posturas diferentes do restante da delegação brasileira quanto ao uso de máscaras.

Continua depois da publicidade

Na manhã de sábado, Ernesto Araújo compartilhou uma foto do embarque do grupo na Base Aérea de Brasília. Nenhum dos representantes usava máscara, embora o item de segurança seja obrigatório em áreas públicas e de aglomeração no Distrito Federal.

O presidente Jair Bolsonaro não viajou para Israel, mas também esteve – sem máscara – no local do embarque.

Horas depois, o perfil oficial do Ministério das Relações Exteriores publicou foto do desembarque da delegação em solo israelense, onde o uso de máscaras também é obrigatório.

No exterior, o grupo optou por respeitar a regra. Todos os integrantes que aparecem na foto usam máscaras de proteção.

Por: G1

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em