O diretor presidente do Detran-AM, Vinicius Diniz, alertou a população para um novo golpe. Os golpistas estão usando o aplicativo de mensagens WhatsApp para oferecer serviços como a retirada da Carteira Nacional de Habilitação (CNH), sem o devido processo legal, para liberação de veículos apreendidos e exclusão de multas de trânsito.

De acordo com o gestor, diversos casos já estão sendo investigados pelo órgão, com apoio da Polícia Civil. Os valores cobrados variam de acordo com o serviço oferecido, vão de R$ 300 a R$ 1 mil, mas, há casos de cobrança que envolvem valores maiores.

Segundo Vinicius Diniz, os golpistas usam fotos de operações baixadas do portal do Detran-AM e entram em contato com as vítimas pelo WhatsApp, oferecendo o serviço. Quando a pessoa aceita, eles combinam o pagamento por meio de depósito bancário. Após a vítima repassar o valor, os golpistas bloqueiam o contato, impossibilitando que a pessoa lesada possa localizá-los. “Queremos deixar claro que o Detran-AM, não entra em contato com o cidadão por meio de redes sociais, e-mail, Whatsapp ou ligação telefônica, para oferecer facilidades em serviços, como a liberação de veículos removidos em blitz. Todos os serviços prestados pelo órgão, são realizados pelo site através de agendamento ou presencialmente na sede do órgão ou unidades descentralizadas”, esclarece o diretor.

O Detran-AM pediu que os usuários sempre procurem empresas e despachantes credenciados pelo órgão para realização de serviços referentes a habilitação e veículos. A lista das empresas e despachantes credenciados pode ser acessada através do link, http://www.detran.am.gov.br/tipos-de-credenciado/despachantes/.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here