Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Consumo de oxigênio hospitalar no Amazonas cai 22% em relação a janeiro

A marca atual é de 64 mil metros cúbicos ao dia nas unidades de saúde das redes públicas e privadas, longe do pico visto no início do ano

Publicado em

O consumo médio de oxigênio medicinal no Amazonas apresentou redução na primeira semana de março. A marca atual é de 64 mil metros cúbicos ao dia nas unidades de saúde das redes públicas e privadas.

O percentual representa uma queda de 22% comparada ao pior momento da pandemia para o Amazonas. Os dados são do Comitê Estadual de Enfrentamento da Covid-19.

O maior pico de consumo registrado no estado aconteceu em janeiro de 2021 e foi de 83 mil metros cúbicos de oxigênio diários.

Continua depois da publicidade

O aumento, no começo do ano, estava muito relacionado a alta demanda de internações. A queda neste período resulta o início de um equilíbrio na rede hospitalar.

Por: CNN

 

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em