25.5 C
Manaus
sábado, Maio 26, 2018

Flamengo aliciou jogador da TShow com aval da Riot

Poucas horas depois de uma denúncia contra o Flamengo pela transferência do atirador Felipe “brTT” Gonçalves, o clube foi novamente acusado de praticar aliciamento com o jogador de outro time de League of Legends. Em mais uma reportagem conduzida pela ESPN eSports, a Cursor eSports foi apontada por entrar em negociação direta com o top laner da T ShowRenan “Nyu Augusto, o que configura uma prática irregular nas normas estabelecidas pela Riot Games.

O clube, no entanto, não será penalizado porque as regras de aliciamento só entrarão em vigor para o Circuito Desafiante a partir de janeiro de 2018. O site conversou com fontes próximas da negociação, e elas apontaram que a Cursor entrou em contato com a Riot Games sobre o processo e ela teria dado aval para que isso acontecesse.

O posicionamento do estúdio, no entanto, foi de não incentivar essa prática por questões éticas. “A Riot Games não comenta casos isolados, mas é de praxe a empresa instruir os times a seguir condutas de boas práticas na abordagem de jogadores contratados por outras equipes”, explicou a empresa em posicionamento oficial para o site. “Por essa razão, inclusive, a companhia vai adotar no Circuito Desafiante, a partir de 2018, a mesma regra de antialiciamento vigente no CBLoL”, completa.

O Flamengo, que entrará em 2018 na “série B” do Campeonato Brasileiro de League of Legends, ainda tem até o dia 18 de dezembro para anunciar o seu representante na rota do topo. Em posicionamento oficial, o clube “reitera que todas as negociações para contratação de reforços para sua equipe de League of Legends foram feitas com respeito total às regras aplicadas no mercado de games.”

“Sobre a negociação com Nyu é importante esclarecer que, além da TShow estar ciente da aproximação do Flamengo com o atleta e chegar a ter oferecido o referido profissional ao clube, as negociações foram dentro das regras, mas, mediante exigências da equipe do atleta, acabaram não se concretizando”, reforça o clube.

Essa não é a primeira acusação de aliciamento a cair sobre o clube. Ainda em outubro, o site apontou que o Flamengo também entrou em contato com os jogadores Gabriel “Revolta” HenudFelipe “yang” Zhao e Gabriel “Kami” Bohm.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here