Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Microsoft Teams para vida pessoal chega aos celulares em prévia

As novidades presente no app da Microsoft podem ser usadas de graça no Android e iOS, mas o Windows Central aponta que a empresa pode acabar tornando os recursos pessoais exclusivos para usuários pagantes. No site do Microsoft 365, a empresa diz que "atualmente as novas ferramentas do Teams não dependem de uma assinatura", dando abertura para uma possível cobrança no futuro.

Publicado em

A Microsoft começou a liberar a versão pessoal do Teams, aplicativo corporativo desenvolvido pela companhia. A novidade traz funções extras para a plataforma que prometem facilitar o acesso à vida pessoal dentro do app empresarial.

A versão do Teams com elementos de rede social pessoal foi anunciada há algumas semanas, mas a Microsoft não fez barulho sobre a distribuição do app. Segundo o Windows Central, a empresa enviou um link via e-mail para que usuários da plataforma fizessem o download da nova edição para Android e iOS. Se você não foi contemplado, é possível fazer uma solicitação no site da empresa.

De acordo com a companhia, a atualização permite que os usuários organizem assuntos de família e trabalho em apenas um lugar, apenas trocando entre o perfil pessoal e de trabalho. Assim como a versão empresarial do Teams, a novidade utiliza uma conta Microsoft para cadastro e informações como e-mails, contatos e agenda.

Continua depois da publicidade

A diferença entre o uso pessoal e profissional fica por conta de algumas mudanças na interface. O perfil para família e amigos do Teams possui um chat mais tradicional e não se apoia nas threads, como acontece na versão empresarial do app.

Leia mais: Spotify libera podcasts em vídeo e rivaliza com YouTube

Além disso, o Teams para vida pessoal também conta com calendário em grupo, opções de compartilhamento de arquivos e de localização. Por fim, também é possível acessar a câmera e realizar ligações dentro do app.

É importante ressaltar que o Teams para vida pessoal ainda está em estágio de desenvolvimento. Logo, a plataforma pode sofrer mudanças nos próximos meses, após a empresa receber opiniões dos usuários.

As novidades presente no app da Microsoft podem ser usadas de graça no Android e iOS, mas o Windows Central aponta que a empresa pode acabar tornando os recursos pessoais exclusivos para usuários pagantes. No site do Microsoft 365, a empresa diz que “atualmente as novas ferramentas do Teams não dependem de uma assinatura”, dando abertura para uma possível cobrança no futuro.

Fonte: TecMundo

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X