Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

500 dias com Ela – Lições do filme

500 dias com Ela fala sobre a vida de um um romântico escritor que se surpreende quando sua namorada termina o namoro repentinamente. Com isso, ele relembra vários momentos do tempo que passaram juntos para tentar descobrir onde seu caso de amor se perdeu e vai redescobrindo suas verdadeiras paixões.

Publicado em

500 dias com Ela fala sobre a vida de um um romântico escritor que se surpreende quando sua namorada termina o namoro repentinamente.

Com isso, ele relembra vários momentos do tempo que passaram juntos para tentar descobrir onde seu caso de amor se perdeu e vai redescobrindo suas verdadeiras paixões.

O filme passa diversas lições de aprendizado sobre o amor e listamos aqui algumas dessas lições que podemos tirar dessa incrível produção.

TUDO BEM ESTAR SOZINHO

Continua depois da publicidade

No filme, Tom acredita que para estar feliz precisa estar em um relacionamento. No entanto, vemos que isso não é totalmente verdade.

É importante saber como você é quando está sozinho e como você se sente quando está ‘independente’ antes de entrar em um compromisso. Além disso, é totalmente compreensível não estar em um relacionamento.

EXPECTATIVAS DIFERENTES DA REALIDADE

Em 500 dias com Ela, isso é retratado de forma muito marcante na cena da “Expectativa versus Realidade“. As expectativas criadas por Tom são totalmente dele e só dele, outras pessoas não são culpadas pelo o que você coloca sobre elas, principalmente sua namorada.

NÃO HÁ COMO FORÇAR O AMOR

Tom tenta ao longo do filme fazer com que Summer, sua namorada, se apaixone por ele, mas a jovem não tem a mesma reciprocidade. Só depois de muito tempo o personagem entende que não é apenas a vontade dele que é essencial. Ou seja, não há como forçar o amor.

500 Dias com Ela
500 Dias com Ela – Foto: Reprodução.

NÃO DEPENDA EMOCIONALMENTE DE ALGUÉM

Na história, Tom foca toda a felicidade dele em Summer e isso o faz se perder na própria vida. Não é saudável ser dependente emocionalmente de alguém. Ou seja, é injusto colocar essa pressão em outra pessoa, mas também em você.

EXISTE DUAS VISÕES EM UM RELACIONAMENTO

Em 500 dias com Ela, acompanhamos toda a relação dos protagonistas pela visão de Tom. Com isso, podemos notar que alguns elementos do relacionamento não são totalmente ‘verdades’.

A narrativa é composta por Tom e não conseguimos ver como Summer se sente em cada cenário.

VIDA QUE SEGUE

O término é uma fase complicada. São muitas emoções e histórias que você compartilhou com alguém, por isso pode ser difícil se ‘desligar’ e é normal. No entanto, as pessoas se recuperam e isso não quer dizer esquecer, mas sim seguir em frente.

Leia mais: Lúcifer Morningstar – Personagem em foco

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X