EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Veja algumas startups que podem ajudar sua empresa nesta pandemia

Publicado em

As restrições impostas pelos governos estaduais na luta contra a pandemia do coronavírus deixaram os empreendedores de mãos atadas, sobretudo em regiões que já decretaram lockdown ou prorrogaram a quarentena até o fim de maio.

Pensando nisso, reunimos três startups que oferecem soluções práticas e podem ajudar a sua empresa a manter as operações neste período, com opções que vão desde o controle da vistoria e organização operacional da sua empresa – independente do tamanho –, até a criação de uma loja virtual com tarifas especiais para quem está em dificuldade ou a criação de vídeos promocionais.

O Moki, hub de dados reconhecido pela gestão de informações que podem ajudar na tomada de decisões das empresas, criou uma série de checklists gratuitos que estão disponíveis no site da marca.

Leia Também: Petrobras aumenta preço da gasolina pela 3ª vez no mês e alta já chega a 37% em maio

O software estará aberto por dois meses para as empresas que se inscreverem no serviço e promete ajudar esses empreendimentos a vistoriarem suas operações e se prepararem para a retomada dos serviços com o fim da pandemia.

CEO do Moki, Guilherme Werneck explica que o conteúdo dessas checklists foi feito pensando no que cada modelo de negócio precisa para enfrentar este momento de dificuldade operacional.

Uma seção especial foi desenvolvida para donos de supermercados que estão em atenção redobrada durante este período.

Cartilha

A startup desenvolveu um modelo de checklist englobando os principais pontos de uma cartilha feita pela Associação Paulista de Supermercados (APAS) com processos de segurança e higiene para as redes.

Outra lista engloba empresas que trabalhem com delivery, caminho que possibilitou a manutenção das atividades de bares e restaurantes neste momento de quarentena.

Nesta lista de verificações, o sistema criou perguntas sobre legislação, presença em plataformas de delivery, embalagem, entregas e procedimento de segurança para os entregadores.

Se a sua loja física precisou ser fechada por conta da Covid-19, a Loja Integrada, uma plataforma de e-commerce do grupo VTEX, fechou parceria com a PayU e a Elo para que pequenos e médios empreendedores criem ambientes de vendas virtuais e não paguem pela estadia no marketplace.

Um atrativo é a taxa de 1,99% nas transações à vista para as bandeiras Visa, Master e Elo, além de preços promocionais em transações parceladas.

A plataforma criou planos especiais e de curta duração para quem estiver interessado em manter seu negócio no marketplace com preços que vão desde a gratuidade até pacotes de R$ 499.

Todos eles apresentam atrativos que podem atender demandas mais específicas de tempo e dinheiro do seu modelo de negócio.

A Instanteaser, uma startup com soluções para vídeos de alta performance, lançou um serviço voltado à franqueados e pequenas empresas, o Multiply.

A marca foi uma das primeiras empresas na América latina a receber o selo de parceiro oficial para o YouTube Ads, do Google.

A plataforma serve como um facilitador para os franqueados, que podem, a partir dela, criar e modificar conteúdos com base nos dados e na realidade local.

Você pode criar vídeos de até 30 segundos com alta performance, customização, escala e agilidade, além de alterar fotos e textos.

Grandes empresas como a Visa, Colgate, Faber-Castell, NBA e L’Oréal já usaram os serviços da Instanteaser.

Fonte: Istoé Dinheiro/MSN

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X