Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

O poder do perdão

Publicado em

O quanto estou disposto(a), a viver a minha vida plenamente?

Numa escala de 0 a 100%, quanto eu já me perdoei pelos erros que eu julgo ter
cometido?

O quanto esse % influencia a forma como eu vivo?

Continua depois da publicidade

O quanto esse % impacta na minha saúde física, emocional, espiritual,
intelectual, financeira, familiar, social?

O quanto influencia nos meus relacionamentos com os outros, minha capacidade
de desenvolver intimidades, de confiar nas pessoas e de perdoar?

Pratique o exercício diário do Perdão

Você nunca viverá a verdadeira sensação de liberdade enquanto continuar a ter pensamentos de rancor. Como você acredita que poderá viver feliz escolhendo guardar no lugar mais sagrado e puro do universo, nas profundezas do seu santuário interior, veneno na forma de raiva, ódio, tristeza e ressentimento?

Guardar Rancor Pode te Deixar Doente, Mas Como Aprender a Perdoar? - 93 FM
Imagem: Reprodução

Os pensamentos contaminados por esse veneno se tornam amargos e pensamentos que se alimentam de amargura não gostam da presença de pensamentos que carregam alegria e bem estar.

Não importa o quão possa achar que tens razões para guardar essa mágoa, não importa a dor ou o dano que outros lhe causaram. Experiências de dor são inevitáveis na nossa jornada de vida, escolher resistir a essa dor, alimentar o sofrimento, é uma escolha.

Se você insistir em ficar preso ao passado, jamais se sentirá plenamente livre.

Perdoar-se a si mesmo e aos outros é um exercício libertador, é escolher a liberdade aqui e agora, a manter-se acorrentado ao passado.

Como perdoar? 9 práticas e reflexões de Perdão! • Guia da Alma
Imagem: Reprodução

Se você sente que a sua vida não está fluindo levemente, plenamente, livremente,é porque está aprisionado, aprisionada, a um evento passado. Podeser arrependimento, tristeza, mágoa, medo, culpa, acusação, raiva,ressentimento, ou, às vezes, até desejo de vingança.

Cada um desses estados de espírito resulta da ausência de perdão, da recusa em desapegar-se do que passou e viver plenamente o momento presente.

Se o seu momento presente, o aqui e agora, está contaminado por esse veneno, na forma de mágoas e ressentimentos do passado, você continuará a projetar no seu futuro, atraindo experiências a partir do lixo do passado.

Não deixe que o ressentimento o maltrate!
Imagem: Reprodução

Você sabia que quando culpamos outra pessoa estamos abrindo mão do próprio poder e transferindo a responsabilidade a elas?

O fato dos acontecimentos e pessoas eventualmente ocupar nossa mente, faz parte do nosso aprendizado, no entanto, elas permanecerem lá, produzindo sofrimento e drenando a nossa energia, é uma escolha que fazemos.

Você sabe qual é a diferença entre perdão e aceitação? Perdoar não significa justificar o comportamento de quem o ofendeu, magoou. O exercício do perdão ocorre na sua mente e no seu coração.

Perdoar é um ato de libertação da energia negativa à qual escolhemos ficar ligado. Perdoar é se desconectar da memória de dor, é deixar ir, é soltar, é aliviar a carga emocional negativa. Soltar libera química curativa que cura a mágoa, o ressentimento.

Por: José Eduardo Tófoli

Autor do livro “O que te impede de Viver Feliz?” e “Farol da Sabedoria.”
Youtube: JOSÉ EDUARDO TÓFOLI
Instagram: @joseeduardotofoli

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X