EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

‘Mães perfeitas não são reais. Mães reais não são perfeitas’, diz influencer Giovanna Quercia

Giovanna Quercia, 23 anos, digital influencer, mãe, esposa e dona de casa, ela é dona do perfil @giovannaquercia no Instagram, em que divide com o público a experiência da maternidade. Para ela o isolamento social mudou o cenário familiar.

Publicado em

Acordar, preparar o café da manhã da família e a lancheira das crianças, lavar a louça, encaminhar os filhos para a escola, ir para o trabalho, encerrar o expediente, voltar para casa, cuidar da janta e da limpeza do lar, colocar os meninos para dormir… E, no dia seguinte, a maratona começa de novo.

Mas o cenário mudou radicalmente com a pandemia do novo coronavírus e com as medidas preventivas, como o isolamento social e os cuidados redobrados com a saúde, muitas mães estão em casa trabalhando e a rotina ficou mais intensa.

Giovanna Quercia, 23 anos, digital influencer, mãe, esposa e dona de casa, ela é dona do perfil @giovannaquercia no Instagram – que já conta com mais de 360 mil seguidores – em que divide com o público a experiência da maternidade, dá dicas de beleza e ainda compartilha a rotina. Para ela o isolamento social mudou o cenário familiar, provocando novos arranjos na divisão de responsabilidades da vida doméstica com os parceiros e com a sociedade.

Ela afirma que é essencial buscar meios e maneiras para integrar todo mundo do lar nas responsabilidades. (Foto: Divulgação)
Ela afirma que é essencial buscar meios e maneiras para integrar todo mundo do lar nas responsabilidades. (Foto: Giovanna Quercia/Divulgação)

Ela afirma que é essencial buscar meios e maneiras para integrar todo mundo do lar nas responsabilidades, “não só os maridos precisam ajudar em casa, como as crianças também. Aqui em casa costumo dizer que somos um time, todos temos que nos ajudar. Meu filho tem 3 anos e minha enteada 12. Cada um exerce atividades de acordo com o grau de entendimento. O bom é que as crianças, quando realizam as atividades domésticas, se sentem úteis. Isso é ótimo para o desenvolvimento delas”.

Vale destacar também que boa parte dos lares, as mulheres não contam com um companheiro ou outra pessoa com quem podem compartilhar tarefas e aliviar o peso das atividades. Até mesmo quando há um parceiro na residência, a carga de serviço fica concentrada na figura feminina.

O isolamento colocou uma lente de aumento na desigualdade de gênero e na sobrecarga que atinge a vida das trabalhadoras, mães ou não.

Outra situação que se torna intensa é o fato de os filhos não estarem frequentando a creche ou a escola. Para as mães que não tiveram como aderir ao home office, a preocupação aumenta, pois não há estrutura adequada para deixar os filhos e ir ao serviço.

Mesmo para as que estão realizando o trabalho de casa, a situação é delicada, pois conciliar mais gente em casa, o cuidado com as crianças (e, às vezes, auxiliá-los em atividades escolares a distância) e o expediente é complicado. “Ser a professora dos nossos filhos também não tá sendo fácil, estamos tendo que estudar e aprender juntos com eles é um desafio”, afirma Giovanna.

Faz parte e você tá fazendo um ótimo trabalho. Essa realidade tá sendo assustadora pra todos nós, a gente tá meio perdido mesmo, tudo bem. O que importa é que estamos dando o nosso melhor. (Foto: Giovanna Quercia/Instagram)
Faz parte e você tá fazendo um ótimo trabalho. Essa realidade tá sendo assustadora pra todos nós, a gente tá meio perdido mesmo, tudo bem. O que importa é que estamos dando o nosso melhor. (Foto: Giovanna Quercia/Instagram)

Respeitem o tempo e os limites de vocês

Quercia também destaca que essa realidade está sendo assustadora para todo mundo, o que importa é que estamos todos dando o nosso melhor, seja com o filho, com o trabalho ou com lar. Não é necessário entrar em uma maratona de ser 100% produtiva e de dá conta de tudo o tempo inteiro. “Além de tentar manter uma casa em ordem, nos vemos diante da responsabilidade de ser educadoras, ajudar nossos filhos com as aulas on-line, entretê-los, alimentá-los, ser esposa, dar amor e também se amar.
Quero te acalmar e te dizer que nem sempre você vai conseguir fazer tudo. É tá tudo bem! Não somos robôs!”.

Este momento da pandemia está trazendo à tona que somos seres humanos e que não damos conta de tudo. Giovanna reforça que a mulher precisa ter mais compaixão e atenção para consigo mesma. “Olhe-se com respeito, gratidão, sem tanta cobrança, porque isso a sociedade já faz, e lembre-se, você tem dado o seu melhor em todas as funções”.

“Não se cobrem tanto. Respeitem o tempo e os limites de vocês! Mães perfeitas não são reais. Mães reais não são perfeitas”, finaliza Quercia.

A digital influencer também dá dicas e conselhos para as mulheres em seu perfil nas redes sociais, basta acompanhá-la pelo: https://www.instagram.com/giovannaquercia/

View this post on Instagram

A sobrecarga da mãe na quarentena. Já havia um tempo que queria escrever sobre isso sem soar como reclamação da vida, afinal, sempre que uma mãe tenta falar de sua realidade parece que é mal interpretada, a sensação é a de que estamos insatisfeitas com a maternidade, o que não é verdade. Mas é necessário falar disso, o peso e a responsabilidade do nosso cotidiano. Enquanto muitos estão entediados e procurando ocupações, a mãe está em busca de um tempo para fazer literalmente “nada”. Além de tentar manter uma casa em ordem, nos vemos diante da responsabilidade de ser educadoras, ajudar nossos filhos com as aulas on-line, entretê-los, alimentá-los, ser esposa, dar amor e também se amar. Quero te acalmar e te dizer que nem sempre você vai conseguir fazer tudo. É tá tudo bem! Não somos robôs! Vão ter dias que nós só vamos querer surtar um pouco e dormir com a casa mais ou menos limpa. Aquela limpeza bem meia-boca. Faz parte e você tá fazendo um ótimo trabalho. Essa realidade tá sendo assustadora pra todos nós, a gente tá meio perdido mesmo, tudo bem. O que importa é que estamos dando o nosso melhor. Não entre nessa maratona de ser 100% produtiva e de dar conta de tudo. Tudo bem não dar conta. Mães perfeitas não são reais. Mães reais não são perfeitas. 📝: @giovannaquercia #maternidadereal #vidademae #textoparamaes

A post shared by Gio (@giovannaquercia) on

 

1 COMENTÁRIO

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em
X