Chinese (Simplified)EnglishFrenchJapanesePortugueseSpanish

Fabricantes entram na onda do aluguel por assinatura. Mas, vale a pena?

Fiat, Renault, Jeep e Volkswagen já oferecem o serviço, que aposta na conveniência de não ser o dono de um veículo. Conheça os planos disponíveis

Publicado em

Para se manterem no jogo, fabricantes de veículos precisam explorar todas as tendências no campo da mobilidade, sejam as tecnológicas, como a propulsão elétrica e autônoma, ou os formatos de vender produto e serviços.

Assim, marcas como Volkswagen, Fiat, Jeep e Renault já oferecem no Brasil o serviço de aluguel de veículos por assinatura.

A ideia é eliminar todos os supostos inconvenientes de se ter um veículo, como levar o carro para a manutenção, as burocracias para o licenciamento, a contratação de um seguro e a famigerada hora de vender o carro.

Continua depois da publicidade

Ao motorista resta apenas abastecer o “carango” e pagar possíveis multas. Porém, cada empresa oferece um perfil para o serviço.

ON DEMAND

Renault On Demand está disponível para todo o Brasil, com os modelo Kwid, Stepway e Duster. Os planos são de 12, 18, 20 ou 24 meses, com opções de franquia mensal de 500, 1.000, 1.500 e 2.000 quilômetros.

Os serviços inclusos na mensalidade compreendem a manutenção, gestão e custas de documentos, seguro contra roubo, furto, incêndio e terceiros, além de assistência 24 horas.

Mediante acréscimos nas mensalidades, ainda é possível contratar serviços como a entrega do veículo em casa, película solar e/ou película de proteção, além de um seguro de proteção financeira em caso de desemprego involuntário, incapacidade, morte ou invalidez.

A contratação deve ser feita pelo site www.renaultondemand.com.br, mas também pode ser realizada na rede de concessionárias participante.

FLUA 

O Flua é o serviço de assinatura das marcas Fiat e Jeep. Por enquanto, o projeto-piloto está disponível em apenas seis cidades de São Paulo e Curitiba, mas a expectativa é expandi-lo para mais sete estados até o fim do ano.

O serviço pode ser contratado pelo site www.meuflua.com.br ou em uma concessionária participante. Pelos valores divulgados, o Flua é o menos interessante.

Na linha Fiat estão disponíveis sete modelos: Grand Siena, Cronos, Doblò, Fiorino, Nova Strada, Toro e Ducato. Da Jeep, podem ser contratados o Renegade e o Compass.

O modelo escolhido pode ser personalizado, com a escolha da cor e opcionais, assim como acontece na compra do carro novo. Ao final do contrato, o cliente terá a opção de comprar o carro com condições especiais.

Existem pacotes de 12, 24 e 36 meses, com franquias de 1.000, 2.000 ou 3.000 quilômetros mensais. Os valores incluem documentação (IPVA, licenciamento e emplacamento), seguro com rastreador, manutenção e assistência 24 horas.

As manutenções podem ser realizada em qualquer uma das 713 concessionárias da Fiat e da Jeep localizadas no Brasil.

SIGN&DRIVE 

O serviço de assinatura de carros da Volkswagen é o VW Sign&Drive. Atualmente, o serviço está disponível apenas no estado de São Paulo. Os modelos disponíveis são o T-Cross, Virtus, Tiguan e Jetta.

O serviço pode ser contratado pelo site www.vw.com.br/signanddrive ou presencialmente nas concessionárias participantes.

Estão disponíveis planos de um ou dois anos, com franquia de 1.800 quilômetros mensais.

Estão inclusos na assinatura a documentação (IPVA, licenciamento e emplacamento), seguro e manutenção preventiva. As revisões periódicas poderão ser realizadas em qualquer concessionária da rede Volkswagen.

Vale a pena?

Compra x Assinatura

Do ponto de vista financeiro, se você tem o dinheiro, comprar o carro será mais vantajoso na maioria das vezes. Mesmo somando todos os gastos (confira os exemplos que simulamos) referentes à posse do veículo, a quantia a se pegar é inferior à assinatura.

Apesar de, na ponta do lápis, não ser mais vantajoso, o serviço de assinatura de veículos pode ser interessante para as pessoas que dão muito valor à conveniência de não ter a posse de um veículo. Basta fazer as contas de cada modalidade e ver se a diferença paga esta conta para você.

Assinatura x Financiamento

A assinatura pode ser uma boa oportunidade para quem não tem o dinheiro para comprar um veículo à vista, e precisaria recorrer a um financiamento. É que, apesar de estar atualmente baixa, a taxa de juros eleva o valor de compra do veículo, além de se somar aos demais custos de posse já citados.

Simulação e exemplos

Simulamos a assinatura dos três automóveis mais baratos disponíveis da Renault, Fiat e Volkswagen pelo período de um ano. A franquia mensal escolhida foi de 1.000 quilômetros, que é uma média de uso normal (o modelo da VW oferece franquia de 1.800 km).

O preço da assinatura de cada modelo foi comparada aos custos de posse (IPVA, Taxa de Licenciamento, emplacamento, manutenção e seguro). Também consideramos como um custo o valor da desvalorização do veículo ao final de um ano.

De acordo com Ana Tereza Lanna Figueiredo, professora do Departamento de Ciências Econômicas da Puc-Minas, para tomar qualquer decisão de negócio, é preciso fazer as contas para não se enganar.

Em um primeiro momento, a taxa de juros baixa pode indicar que a opção pelo financiamento do veículo seria interessante, mas, na verdade, esta modalidade acabou elevando o custo de aquisição do veículo.

Ao mesmo tempo, a taxa de juros baixa sugere que não existem muitos investimentos financeiros conservadores que gerem um rendimento expressivo que justifique a decisão de não imobilizar o capital na compra de um veículo (baixo custo de oportunidade).

Por este motivo, não consideramos uma possível aplicação do valor de compra do veículo como uma fonte de renda que possa ajudar a custear o aluguel. Mas isto não significa que um investidor mais dedicado não seja capaz de conseguir rendimentos interessantes que, além de cobrir as perdas com a inflação, ajudem a pagar o aluguel do veículo.

Esta análise funciona mais como um ponto de partida para cada pessoa fazer a sua própria conta, já que ela envolve diversas variáveis como o perfil de investimento do comprador, seu desejo de posse do veículo, seu poder de compra, o tipo de uso do veículo, etc.

Kwid com mensalidades de R$ 1 mil?

(foto: Renault/Divulgação)
(Foto: Renault/Divulgação)

O Renault On Demand até oferece uma mensalidade mais barata, por R$ 869,00 mas no plano Smart, com duração de 20 meses e franquia de apenas 500 quilômetros mensais, muito inferior à média de uso da maioria das pessoas. Optamos pelo plano de 1.000 km e um ano de duração. Confira os valores.

Modelo: Renault Kwid 1.0 Zen
Preço de compra: R$ 46.990,00

Assinatura anual: 12.479,28 (12 x R$ 1.039,94)

Custo anual de posse: 9.206,00

Lista de gastos
IPVA: R$ 1.879,60
Licenciamento: R$ 112,40
Emplacamento: R$ 193,26
Placas: R$ 150,00
Manutenção: R$ 399,94
Desvalorização: R$ 4.699,00
Seguro: R$ 1.772,25
Total: 9.206,00

Financiamento
Entrada de R$ 25.000,00
+ 48 parcelas de R$ 1.000,00
Total: R$ 73.000,00
custos de posse pelo período de quatro anos

Grand Siena por R$ 2 mil mensais

(foto: Fiat/Divulgação)
(Foto: Fiat/Divulgação)

O sedã da Fiat tem assinatura muito salgada, sendo que seu valo anual é mais que o dobro dos custos anuais com o modelo. O plano também tem franquia de 1.000 km mensais e um ano de duração. Confira os valores.

Modelo: Fiat Grand Siena 1.4
Preço de compra: R$ 57.390

Assinatura anual: 23.268,00 (12 x R$ 1.939,00)

Custo anual de posse: 10.779,87

Lista de gastos
IPVA: R$ 2.295,60
Licenciamento: R$ 112,40
Emplacamento: R$ 193,26
Placas: R$ 150,00
Manutenção: R$ 388,00
Desvalorização: R$ 5.739,00
Seguro: R$ 1.901,61
Total: R$ 10.779,87

Financiamento
Entrada de R$ 0
48 parcelas de R$ 1.837,00
Total: R$ 88.176,00
4 anos de assinatura: 93.072,00
custos de posse pelo período de quatro anos

T-Cross com mensalidades de R$ 1.900

(foto: Volkswagen/Divulgação)
(Foto: Volkswagen/Divulgação)

Comparada à Fiat Grand Siena, a assinatura do T-Cross é uma barbada, já que o motorista leva para casa um carro bem mais moderno e sofisticado, um SUV com motor turbo e câmbio automático.

Mesmo com o custo de posse mais alto, sob o ponto de vista financeiro, vale mais a pena comprar o modelo e não assinar. Confira os valores.

Modelo: Volkswagen T-Cross 200 TSI AT
Preço de compra: R$ 105.490

Assinatura anual: 22.788,00 (12 x R$ 1.899,00)
Custo anual de posse: 19.607,24

Lista de gastos
IPVA: R$ 4.219,60
Licenciamento: R$ 112,40
Emplacamento: R$ 193,26
Placas: R$ 150,00
Manutenção: R$ 554,90
Desvalorização: R$ 11.240,00
Seguro: R$ 3.137,08
Total: R$ 19.607,24

Financiamento
Entrada de R$ 40.000,00
48 parcelas de R$ 1.999,00
Total: R$ 135.952,00
4 anos de assinatura: 91.152,00
custos de posse pelo período de quatro anos

* Desvalorização: -10% (compatível com os valores demonstrados na Fipe para esses modelos).
** IPVA: 4% do valor de compra.
*** Manutenção: Revisão de 10.000 km ou um ano, valores fixos das marcas.
**** Seguro: Cotação dia 20/01/2021 com perfil de cliente masculino, 40 anos, casado, residente em Belo Horizonte (MG).
***** Financiamento: condições obtidas em concessionárias, a partir de um valor aproximado entre as parcelas mensais do financiamento e da assinatura, com valores de tabela, podendo variar de acordo com o score do cliente junto às financeiras.

Por: Correio Braziliense

Categoria

SEJA O PRIMEIRO A COMENTAR

Please enter your comment!
Please enter your name here

Leia mais em